segunda-feira, 12 de março de 2012


Um tempo preciso, em um dia calmo de nuvens carregadas, estranhas, prontas para derramar sua ira, não tormenta, não viril, nem tão pouco devassa, apenas para passar, aquele sentimento de revolta;
Um tenso momento de desespero, abandono, frio de solidão repentina, apenas tentando se refugiar de tudo e de todos, com um desejo propício...se libertar.


sexta-feira, 2 de março de 2012


se a felicidade dos outros te incomoda, pare e pense em como você está vivendo a sua, porque toda e qualquer felicidade é Bem-Vinda